Notícias | Dia a dia | US Open
Wild cai na semi e argentinos se destacam no juvenil
09/09/2017 às 00h03

A argentina Maria Lourdes Carlé é semifinalista e há chance de final sul-americana

Foto: Susan Mullane/ITF

Nova York (EUA) - A participação brasileira no US Open chegou ao fim nesta sexta-feira com a eliminação de Thiago Wild na chave de duplas do torneio juvenil em Nova York. Wild e o argentino Sebastian Baez perderam a semifinal de duplas para o taiwanês Yu Hsiou Hsu e o chinês Yibing Wu, principais cabeças de chave, por 6/4 e 6/1.

Wild tentava levar o tênis brasileiro para sua terceira final em quatro anos nas duplas do juvenil. Em 2014, o mineiro João Menezes e o canhoto gaúcho Rafael Matos foram vice-campeões. Já na temporada passadada, o paulista Felipe Meligeni Alves conquistou o título ao lado do boliviano Juan Carlos Aguilar.

Os finalistas de simples serão conhecidos neste sábado, data em que acontecem as semifinais masculina e feminina da competição. Os argentinos se destacaram na rodada e tem um representante na semi de cada chave, Axel Geller e Maria Lourdes Carlé.

Principal cabeça de chave entre os meninos, Geller enfrentará o russo Timofey Skatov. Do outro lado do quadro, o cabeça 2 chinês Yibing Wu enfrenta o finlandês Emil Ruusuvuori. Já entre as meninas, Carlé encara a anfitriã Cori Gauff e pode ter uma final sul-americana contra a colombiana Emiliana Arango, que desafia a cabeça 4 local Amanda Anisimova.

Algozes de Wild e Baez, Hsu e Wu disputam uma final asiática nas duplas contra os japoneses Toru Horie e Yuta Shimizu. A chave feminina terá as semifinais no sábado. Cabeças de chave número 1, a sérvia Olga Danilovic e a ucraniana Marta Kostyuk enfrentam as russas Sofya Lansere e Kamilla Rakhimova, enquanto a croata Lea Boskovic e a chinesa Xiyu Wang encaram a também chinesa Xin Yu Wang e a taiwanesa En Shuo Lian.

Comentários