Notícias | Dia a dia | US Open
Hingis bate ex-parceira e faz 1ª final de Slam do ano
08/09/2017 às 17h18

Hingis e Chan não perderam finais em 2017

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) – Embora seja a atual número 5 do mundo e forme com a taiwanesa Yung-Jan Chan a parceria que mais pontos somou na temporada, a suíça Martina Hingis estava perto de terminar 2017 sem uma final sequer de Grand Slam. Mas nesta sexta-feira ela evitou passar em branco e garantiu um lugar na decisão do US Open.

No duelo com a ex-parceira Sania Mirza, com quem venceu o Australian Open de 2016, o US Open e Wimbledon, ambos em 2015, a suíça se deu melhor. Ela e Chang fizeram valer a condição de segundas favoritas e derrubaram a indiana e chinesa Shuai Peng em sets diretos, com duplo 6/4 em 1h27 de confronto.

As adversárias de Hingis e Chan na final serão as tchecas Lucie Hradecka e Katerina Siniakova, sétimas pré-classificadas, que superaram as compatriotas Lucie Safarova e Barbora Strycova, cabeças de chave 3, na segunda semifinal do dia, triunfando também em sets diretos, com parciais de 6/2 e 7/5, depois de 1h33 de partida.

Hingis e Chan tentam manter a invencibilidade em finais deste ano, já que venceram as seis que disputaram. A única derrotas em finais da suíça em 2017 veio ao lado da compatriota Timea Bacsinszky em Biel. A ex-número 1 do mundo tenta vencer em Nova York pela terceira vez em duplas e vai para sua quinta final no torneio.

Comentários