Notícias | Dia a dia | US Open
Wild faz quartas na chave juvenil de duplas
05/09/2017 às 19h11

Wild é o último representante brasileiro na edição 2017 do US Open

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - O paranaense Thiago Wild é o último brasileiro restante na edição 2017 do US Open. O jogador de 17 anos está nas quartas de final da chave de duplas do torneio juvenil em Nova York.

Nesta terça-feira, Wild e o argentino Sebastian Baez venceram o tcheco Tomas Machac e o russo Timofey Skatov por 6/4, 4/6 e 12-10. Foi a segunda vitória da parceria sul-americana, que havia vencido os anfitriões Sam Riffice e Danny Thomas por 1/6, 7/6 (8-6) e 11-9 no dia anterior.

Em busca de uma vaga na semifinal do torneio juvenil, Wild e Baez podem enfrentar os norte-americanos Oliver Crawford e Patrick Kypson, cabeças de chave número 4, ou encarar a parceria formada pelo francês Dan Added e pelo belga Zizou Bergs.

Outros quatro brasileiros caíram na estreia do torneio de duplas, ainda na segunda-feira. A parceria nacional de Igor Gimenez e Matheus Pucinelli perderam para o israelense Yshai Oliel e o russo Alexey Zakharov por 6/4 e 7/5, enquanto Gabriel Décamps e o mexicano Alan Fernando Rubio Fierros caíram diante dos americanos Axel Nefve e Ryan Goetz por 6/3 e 6/4. No feminino, Thaísa Pedretti e a colombiana Maria Camila Osorio Serrano perderam por 6/4 e 7/5 para a dupla da casa formada por Elysia Bolton e Ann Li.

Comentários