Notícias | Dia a dia | US Open
Juvenis brasileiros conhecem rivais no US Open
02/09/2017 às 20h38

Matheus Pucinelli conseguiu uma vaga como Special Exempt após vice no Canadá

Foto: Arquivo

Nova York (EUA) - Foram sorteadas neste sábado as chaves principais para o torneio juvenil do US Open. O tênis brasileiro terá quatro representantes, Thiago Wild, Gabriel Décamps, Matheus Pucinelli e Thaísa Pedretti.

Wild é o único entre os brasileiros que será cabeça de chave. O paranaense de 17 anos e número 21 no ranking mundial de sua categoria foi designado como o 14º favorito em Nova York. Sua esteia será contra o suíço vindo do quali Jakub Paul.

Por sua vez, o paulista Gabriel Décamps terá um duelo sul-americano contra o cabeça 10 argentino Sebastian Baez. Já o também paulista Matheus Pucinelli de Almeida entrou como Special Exempt no torneio e vai estrear contra o convidado americano Brandon Nakashima.

Única representante brasileira na chave feminina, a paulista Thaísa Pedretti, que tem 18 anos e 42ª do ranking, enfrenta a 63ª colocada norte-americana de 16 anos Natasha Subhash. O único duelo anterior aconteceu no saibro de Porto Alegre, em março do ano passado, e foi vencido por Subhash.

Gimenez cai no quali, Pucinelli é vice - O paulista Igor Gimenez foi eliminado na rodada final do qualificatório após a derrota por 6/4 e 6/2 para o britânico Jack Draper.

Já Matheus Pucinelli, que estaria no quali, fez uma grande campanha no ITF G1 de Quebec e por conta disso acabou recebendo uma vaga de Special Exempt no Grand Slam americano. Ele disputou neste sábado a final do torneio canadense e perdeu para o cabeça 3 tcheco Marko Miladinovic por 7/6 (7-2) e 6/3.

Diferente do que acontece no circuito profissional, a ITF autoriza a concessão do recurso de um torneio menor para um maior, desde que os dois eventos sejam disputados no mesmo continente.

Comentários