Notícias | Dia a dia | US Open
Muguruza avança e fica mais perto do número 1
01/09/2017 às 17h47

Muguruza pode ser número 1 já neste sábado em caso de derrotas de Pliskova e Svitolina

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - Em reedição da semifinal de Wimbledon, Garbiñe Muguruza repetiu a vitória por duplo 6/1 sobre a eslovaca Magdalena Rybarikova para se garantir nas oitavas de final do US Open. O resutado faz também com que a espanhola de 23 anos fique cada vez mais perto de assumir a liderança do ranking mundial.

Atual terceira colocada, Muguruza era uma das oito concorrentes ao número 1 antes do início do torneio. Com a chegada da espanhola às oitavas, ela já não pode ser ultrapassada por Simona Halep ou Venus Williams, enquanto Karolina Pliskova e Elina Svitolina ainda seguem na luta pelo primeiro lugar.

A atual líder do ranking Karolina Pliskova foi vice-campeã no ano passado e precisa, no mínimo, defende os 1.300 pontos para não perder sua posição. Já Svitolina tem que chegar pelo menos à semi. Como as duas concorrentes estão no lado oposto da chave, Muguruza pode ser número 1 já neste sábado caso as rivais sejam eliminadas.

A adversária de Muguruza nas oitavas será a tcheca Petra Kvitova, contra quem tem uma vitória e duas derrotas em duelos anteriores. A canhota de 27 anos e 14ª do ranking venceu nesta sexta-feira a francesa Caroline Garcia por 6/0 e 6/4.

Duas jogadoras vindas de boas semanas nos torneios preparatórios, Sloane Stephens e Julia Goerges, vão se enfrentar nas oitavas. Stephens, que foi semifinalista em Toronto e Cincinnati, marcou 6/2 e 6/4 contra a australiana Ashleigh Barty. Já Goerges, vice em Washington e que chegou às quartas em Cincy, passou com duplo 6/3 pela sérvia Aleksandra Krunic.

Comentários