Notícias | Dia a dia | US Open
Duelo de 3h31 bate recorde feminino no US Open
31/08/2017 às 20h01

Depois de vencer o jogo mais longo do torneio, Rogers desafia Svitolina

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - A rodada desta quinta-feira no US Open teve um recorde para a história da participação feminina no torneio. A norte-americana Shelby Rogers lutou por 3h31 para superar a australiana Daria Gavrilova por 7/6 (8-6), 4/6 e 7/6 (7-5).

O jogo entre Rogers e Gavrilova é o mais longo desde que o tiebreak foi instituído nas regras do jogo em 1970. O recorde anterior era de 3h23 e foi alcançado há dois anos, na vitória da britânica Johanna Konta sobre a espanhola Garbiñe Muguruza.

Ex-número 48 e atual 62ª colocada aos 24 anos, Rogers agora terá a missão de desafiar a ucraniana Elina Svitolina. A norte-americana perdeu nos dois duelos anteriores contra a atual número 4 do mundo e lutará pela terceira vitória contra top 10 na carreira.

Rogers chegou à terceira rodada do US Open pela segunda vez na carreira, repetindo sua melhor participação obtida em 2015. Entretanto, seu melhor feito em Grand Slam veio no saibro de Roland Garros no ano passado, quando chegou às quartas de final.

Comentários