Notícias | Dia a dia | US Open
Sharapova enfim retorna a um Slam e derruba Halep
28/08/2017 às 23h59

Sharapova derrotou Halep pela sétima vez

Foto: Divulgação

Nova York (EUA) - O tão esperado encontro entre Maria Sharapova e Simona Halep logo na primeira rodada do US Open cumpriu todas as expectativas que os fãs tinham para esta segunda-feira. Foram 2h44 de um duelo equilibrado e a russa mais uma vez prevaleceu. Sharapova marcou as parciais de 6/4, 4/6 e 6/3 para anotar sua sétima vitória sobre Halep e segue sem ter perdido para a romena.

Ex-líder e atual 146ª do ranking depois de cumprir quinze meses de suspensão por doping e disputar só quatro torneios na temporada, Sharapova deve ganhar em torno de dez posições por ter avançado uma rodada Nova York. Sua próxima adversária é a húngara Timea Babos, que venceu a suíça Viktorija Golubic por 7/5, 5/7 e 7/5.

Ao derrotar a número 2 do mundo, Sharapova consegue a primeira vitória em um Grand Slam desde que ela superou Belinda Bencic nas oitavas de final do Australian Open de 2016. Foi também o primeiro triunfo contra uma top 10 desde novembro de 2015, quando ela bateu a tcheca Petra Kvitova pela Fed Cup.

Mesmo com a precoce eliminação no US Open, Halep ainda tem chances matemáticas de ser número 1 do mundo ainda neste US Open. Para isso acontecer, Garbiñe Muguruza deveria cair antes das oitavas, Elina Svitolina não ser finalista e o título não pode ficar com Caroline Wozniacki, Venus Williams ou Svetlana Kuznetsova.

Disputado em altíssima intensidade desde os primeiros games, o duelo desta segunda-feira foi cheio de alternativas. Entretanto, Sharapova encontrou logo cedo um caminho para conquistar pontos importantes ao agredir o segundo serviço da romena, especialmente com o forehand. Foram 14 winners de devolução da russa em todo o jogo.

A primeira quebra favoreceu a russa ainda no quarto game e marcou o início de uma série de quatro quebras seguidas, mas a vantagem sempre era de Sharapova. Halep tentou ser mais agressiva do fundo de quadra para reequilibrar as ações, mas voltaria a ser quebrada, ao levar um winner de devolução em seu segundo serviço

A russa ampliou a diferença no segundo set e dominava as ações, chengando a liderar por 4/1. Mais uma vez, Halep tentou fazer diferente. Aproveitando-se de uma perda de intensidade e consistência de sua adversária, a romena foi mais conservadora nas trocas de bola e soube variar os saques para vencer cinco games seguidos.

A longa pausa no intervalo entre os sets por conta de uma ida de Sharapova ao vestiário quebrou um pouco do ritmo de Halep, enquanto a russa pôde aos poucos recuperar seu melhor tênis. Ditando os pontos e apostando em golpes muito potentes, a russa quebrou logo no início da parcial decisiva e fechou a porta quando foi ameaçada para abrir 3/0. Sharapova permaneceria à frente no placar, mas só enfrentaria um break point, em que Halep errou um forehand e perdeu a chance de voltar ao jogo. Foi a última oportunidade para a romena, que ainda persegue o sonho de seu primeiro Grand Slam.

Comentários