Notícias | Dia a dia | US Open
'Preferia enfrentar outro na semi', garante Nadal
26/08/2017 às 18h49

Nadal volta a ser cabeça 1 de Grand Slam em Nova York

Foto: ATP

Nova York (EUA) - O destino não ajudou. O espanhol Rafael Nadal e o suíço Roger Federer foram sorteados no lado superior da chave do US Open e com isso não será possível repetir a final do Australian Open de janeiro.

Na tradicional entrevista oficial do sábado, Nadal obviamente lamentou: "Não posso dizer como seria jogar contra o Federer aqui, pois nunca aconteceu isso aqui em Nova York", lembrou o cabeça 1. "Sinceramente, preferia jogar contra um jogador que não o Federer nas semifinais, preferia um adversário mais fácil”.

De qualquer forma, Nadal voltará a aparecer como cabeça 1 de um Grand Slam depois de mais de três anos. A última vez havia acontecido para o torneio de Roland Garros de 2014. “Chegar aqui e ser o principal favorito ao título três anos depois é um grande feito para mim", garante o canhoto espanhol, referindo-se ao bicampeonato no US Open conquistado em 2013.
"Foram três anos de muitos problemas e de altos e baixos para mim. De qualquer forma jogar aqui é sempre especial”, enfatiza Rafa.

Comentários