Notícias | Dia a dia | US Open
Federer: 'Estou bem fisicamente e muito motivado'
24/08/2017 às 09h09

Federer vai brigar pelo número 1 em Nova York

Foto: Divulgação

New York (EUA) – Depois de desistir do Masters 1000 de Cincinnati por causa de dores nas costas, o suíço Roger Federer tranquilizou os seus fãs ao desembarcar em Nova York para a disputa do US Open. Nesta quarta-feira, em evento da estreante Laver Cup, ele garantiu estar bem fisicamente e muito motivado para a disputa do último Grand Slam do ano.

“Fiquei afastado das quadras por esta semana e me sinto muito melhor do que uma semana atrás. É muito emocionante, para mim, estar em Nova York, onde gosto de jogar, pois a superfície me beneficia”, declarou o suíço, que depois do vice em Montréal resolveu não jogar na semana seguinte.

A ausência na semana passada em Cincinnati, deixou Federer se recuperar fisicamente para a disputa em Flushing Meadows. “Já estou preparado para jogar, foi bom ter dado este tempo para deixar as coisas evoluírem sem pressa e sem forçar. Estou muito bem fisicamente, jogando bem e com a motivação lá em cima”, analisou o tenista da Basileia.

“Tirando o problema que tive nas costas, sinto que o ano foi mágico. Acredito que possa jogar muito bem, já que não tenho sobrecarga alguma de partidas”, complementou Federer, que terá a possibilidade de voltar à liderança do ranking dependendo do seu resultado neste US Open.

Pentacampeão no Slam nova-iorquino, o atual número 3 do mundo não disputou o torneio no ano passado por causa de lesão. Federer esteve em ação pela última vez na competição em 2015, quando foi até a final e acabou superado pelo sérvio Novak Djokovic. A conquista mais recente de Federer em Nova York aconteceu em 2008.

Comentários