Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Halep evita pensar sobre a chance de ser nº 1
10/07/2017 às 22h08

Pela segunda vez no ano, romena está a uma vitória de ser número 1

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Pela segunda vez no ano, Simona Halep está a uma vitória de se tornar a nova número 1 do mundo. Com a eliminação de Angelique Kerber nas oitavas de final de Wimbledon, a romena precisa apenas chegar à semifinal do Grand Slam britânico para assumir o topo do ranking. Entretanto, a romena tenta evitar em qualquer pensamento alheio à partida contra Johanna Konta nesta terça-feira.

"Não estou pensando nisso [sobre o número 1] porque já estive nessa situação", disse Halep, que poderia ter chegado à liderança se tivesse vencido a final de Roland Garros contra Jelena Ostapenko. A romena teve uma chance na semana anterior a Wimbledon, quando disputou o WTA de Eastbourne, mas ficou a duas vitórias de ultrapassar Kerber no ranking.

"Então eu sinto que tenho mais experiência e espero não pensar muito durante a partida. Eu só quero ir lá e ganhar", acrescentou a romena, que perdeu os dois duelos anteriores para Konta. Caso não consiga a vitória nesta terça-feira e seja eliminada de Wimbledon, a nova número 1 do mundo será a tcheca Karolina Pliskova.

Halep também avaliou seu desempenho na vitória por 7/6 (7-3) e 6/2 sobre a ex-número 1 Victoria Azarenka. "Eu sabia que seria um jogo difícil. Ela está de volta e e está jogando muito bem", disse sobre a rival, que ficou mais de um ano afastada do circuito por conta gravidez e do nascimento de seu primeiro filho em dezembro.

"Estou realmente satisfeita com a forma como terminei o primeiro set, que foi muito equilibrado. Posso dizer que me senti mais relaxada, e apenas passei a entrar mais na quadra e bater mais forte", acrescentou a romena, que perdia o set inicial por 4/2 e conseguiu a reação antes de dominar o restante da partida.

Comentários