Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Kerber pensa a longo prazo: 'Voltei a jogar bem'
10/07/2017 às 21h49

Alemã acredita que está voltando a jogar em alto nível

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Apesar da eliminação nas oitavas de final em Wimbledon e da confirmada perda da liderança no ranking mundial, Angelique Kerber encontra motivos para sorrir ao término de sua participação no Grand Slam. Isso porque a alemã de 29 anos acredita que fez uma boa partida contra Garbiñe Muguruza nesta segunda-feira e que está voltando a atuar em alto nível.

"Foi com certeza a melhor partida em muito tempo para mim", disse a alemã após derrota por 4/6, 6/4 e 6/4. "Acho que ambas fizemos uma boa partida, mas no final, apenas alguns pontos que decidiram o jogo. É claro que estou desapontada com a derrota, porque eu realmente estava jogando bem, mas apenas uma pode vencer".

Kerber ainda não tem títulos no ano e disputou apenas a final do WTA de Monterrey. Na corrida para o WTA Finals, a alemã iniciou o Grand Slam britânico ocupando apenas o 15º lugar. Em sua despedida de Londres, ela manteve o tom das entrevistas feitas antes da estreia, pensando a longo prazo.

"Quando eu vim para cá, eu já dizia que estava treinando muito bem depois de Paris. Eu ainda estou pensando nas próximas semanas e nos próximos meses. Acho que estou de novo em alto nível", avalia a germânica, que terá que defender o título do US Open no mês de setembro.

Ao deixar a liderança do ranking mundial na próxima segunda-feira, Kerber terá encerrado um reinado de 34 semanas, O período é superior ao de nomes como Maria Sharapova (que tem 21 semanas), Kim Clijsters (20) e Venus Williams (11). A alemã reafirma o sonho de voltar ao topo do ranking, mas por ora, a meta é seguir jogando bem. "Vou tentar, é claro, voltar a ser número 1 um dia. Mas agora mesmo, fico realmente feliz por reencontrar o meu jogo. Estou jogando um bom tênis novamente".

Comentários