Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Partida de Djokovic é adiada, Berdych avança
10/07/2017 às 16h50

Sérvio terá de jogar dois dias seguidos em caso de vitória na terça

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - A partida de quase cinco horas entre Rafael Nadal e Gilles Muller provocou o adiamento da partida de oitavas de final do sérvio Novak Djokovic diante do francês Adrian Mannarino, marcada para as 8 horas de Brasília. Depois de esperar ao máximo, os promotores preferiram não realizar o jogo na Quadra Central, que tem iluminação artificial, e reprogramar a partida.

Djokovic é agora o único capaz de tirar o escocês Andy Murray da liderança do ranking. Ele no entanto terá de ganhar o campeonato no próximo domingo. Nenhum outro resultado permitirá que ele alcance o segundo lugar, que está em poder de Nadal.

Havia a expectativa de que o jogo de Djokovic e Mannarino pudesse ser movido para a Quadra Central, mas isso forçaria o deslocamento do público com ingresso comprado para a Quadra 1 às arquibancadas. Os organizadores esperaram ao máximo o desfecho da partida em que Nadal foi eliminado.

Quem vencer a partida terá de voltar à quadra na quarta-feira para disputar as quartas de final. O adversário será o tcheco Tomas Berdych, que também teve um jogo de cinco sets antes de eliminar o austríaco Dominic Thiem, com parciais de 6/3, 6/7 (1-7), 6/3, 3/6 e 6/3.

Comentários