Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Rogerinho lamenta derrota e foca agora as duplas
03/07/2017 às 16h39

Rogerinho joga duplas com Bellucci

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Eliminado na estreia em Wimbledon, nesta segunda-feira, com uma derrota por 3 sets a 1 diante do francês Benoit Paire, o paulista Rogério Silva lamentou as chances perdidas, principalmente no terceiro set, em que teve três set-points para fazer 2 a 1, mas não os aproveitou e acabou mesmo derrotado. 

"Tive dois points no terceiro, estava jogando um tênis bacana e me sentindo à vontade, mas ele acabou se salvando e depois se aproveitou da tensão que foi aquele set para ir melhor no quarto. Agora é focar na dupla", observou Rogerinho em entrevista à ESPN. Ele jogará ao lado do compatriota Thomaz Bellucci. 

Rogerinho surpreendeu nas duplas em Roland Garros, chegando às quartas de final com o italiano Paolo Lorenzi. Só que em Wimbledon o piso é outro e está longe de ser o preferido dele e de Bellucci. "A gente sai um pouco atrás, mas tentamos suprir isso com vontade e deixando tudo em quadra", afirmou. 

Atual número 2 do Brasil, Rogerinho pode ultrapassar Bellucci no ranking se este não passar da estreia em Wimbledon. Quem já garantiu vaga na segunda rodada do torneio foram o cearense Thiago Monteiro e a paulista Breatriz Haddad Maia, que foi elogiada pelo conterrâneo. 

"A Bia está mostrando um nível muito alto de tênis e vai ser dar muito bem nos próximos anos. Ela encontrou o caminho que vinha buscando nas últimas temporadas", finalizou Rogerinho, que se não conseguir ir longe nas duplas, irá disputar o challenger de Braunschweig, no saibro, onde também estão inscritos Bellucci e Monteiro.

Comentários