Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Djokovic e Federer ficam no mesmo lado da chave
30/06/2017 às 06h52

Djokovic parou na terceira rodada e Federer foi semi no ano passado.

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Depois de realizarem duas finais seguidas, Novak Djokovic e Roger Federer poderão desta vez se cruzar na semi de Wimbledon. Isso ficou indicado no sorteio para a chave principal, realizado na manhã desta sexta-feira. Os dois títulos, disputados em 2014 e 2015, ficaram com o sérvio.

Djokovic entrou como cabeça 2 e estreia diante do eslovaco Martin Klizan, contra quem ganhou os três duelos já realizados, o mais recente na quadra dura de Acapulco, em fevereiro. Se mantiver o favoritismo, terá depois Ernesto Escobedo ou Adam Pavlasek e um possível reencontro com Juan Martin del Potro. O argentino no entanto tem estreia perigosa diante do australiano Thanasi Kokkinakis.

O quadrante do sérvio prevê ainda oitavas de final diante de Gael Monfils ou Feliciano López, que vem do título em Queen's. Os maiores candidatos a cruzar com Djokovic nas quartas são Tomas Berdych e Richard Gasquet, que eventualmente duelarão entre si na terceira rodada e terão depois Dominic Thiem.

Em busca do oitavo título em Wimbledon, e o primeiro desde 2012, Federer estreia diante do ucraniano Alexander Dolgopolov, que anda com problemas físicos e perdeu os três jogos que fez diante do suíço. Se confirmar, o cabeça 3 pega então Dusan Lajovic ou um qualificado e pode reencontrar Mischa Zverev. Ele venceu o alemão na semana passada em Halle, mas Mischa corre perigo na primeira rodada diante de Bernardo Tomic.

O amigo Grigor Dimitrov ou o sacador John Isner são os candidatos a encarar Federer nas oitavas. A grande expectativa é para ver quem sai para as quartas no outro quadrante, onde ficaram o alemão Alexander Zverev e o atual vice Milos Raonic.

Este lado da chave entrará em quadra na terça-feira, já que Wimbledon ter por tradição colocar no primeiro dia o atual campeão do torneio para inaugurar a Quadra Central. Portanto, Andy Murray e Rafael Nadal jogarão na segunda-feira.

Comentários