Notícias | Dia a dia
Murray é surpreendido por lucky-loser em Queen's
20/06/2017 às 14h11

Murray perderá mais 490 pontos no ranking mundial

Foto: ATP

Londrers (Inglaterra) - Andy Murray não poderia ter tido pior resultado às vésperas de Wimbledon. Cinco vezes campeão do ATP 500 de Londres, ele sequer passou da estreia nesta terça-feira, ao ser batido pelo australiano Jordan Thompson, número 90 do ranking, por 7/6 (7-4) e 6/2.

Maior campeão da história do centenário torneio, Murray deveria enfrentar o compatriota Aljaz Bedene, mas ele desistiu e Thompson entrou de última hora por ter sido derrotado na rodada final do qualificatório. O escocês tinha 17 vitórias seguidas em Londres, somando-se Queen's, Wimbledon e Finals do ano passado.

Apesar do título em Dubai e do vice em Doha, o líder do ranking faz primeiro semestre muito abaixo do seu potencial. Ele havia mostrado evolução com as semifinais no saibro de Barcelona e de Roland Garros, mas já soma nove derrotas em 30 partidas feitas em 2017.

Thompson, de 23 anos, marcou apenas a 14ª vitória da carreira em torneios de primeira linha e agora irá enfrentar o experiente norte-americano Sam Querrey.

Na ótima partida diante de Murray, disparou 12 aces e ganhou 82% dos pontos em que certou o primeiro saque. Passou todo o primeiro set sem ceder break-points e foi firme no tiebreak, aproveitando erros do adversário. Na outra série, escapou de três break-points logo no segundo game e aproveitou a chance que apareceu para ir a 4/2. Murray novamente falhou no serviço, com muitas falhas com o forehand, e o australiano fechou no saque com ace no ponto decisivo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis