Notícias | Dia a dia | Roland Garros
'Foi uma derrota difícil de digerir', afirma Soares
05/06/2017 às 19h11

Mineiro e britânico agora seguem para torneios na grama

Foto: Arquivo

Paris (França) - Após a queda nas quartas de final de duplas masculinas em Roland Garros, Bruno Soares não escondeu o descontentamento com a derrota desta segunda-feira ao lado do britânico Jamie Murray para o mexicano Santiago Gonzalez e o norte-americano Donald Young.

"Obviamente é uma derrota difícil de digerir. Doeu bastante, muito pela situação do jogo e pelo nível de tênis que estávamos jogando", disse Bruno Soares após a derrota por 3/6, 7/6 (7-3) e 7/6 (7-4). O mineiro e seu parceiro sacaram para o jogo no segundo set e tiveram um match point, mas permitiram a virada aos rivais.

"A gente sabe que tinha chances de brigar pelo título, mas é difícil falar agora, logo depois de uma derrota. Mas foi uma grande semana, mais uma quartas de Grand Slam, especialmente depois de uma temporada de saibro dura", avalia o mineiro, que tentava alcançar sua terceira semifinal de Roland Garros.

Soares e Murray permanecem em Paris para receberem na noite desta terça-feira o prêmio de Melhores da Temporada de 2016, em jantar de Gala da ITF. Na sequência eles partem para a temporada de grama, jogando Stuttgart, Queen's e Wimbledon.

Comentários