Notícias | Dia a dia
Apesar das duplas faltas, Murray vence em 2 sets
19/04/2017 às 10h00

Murray realmente mostrou dificuldade com o serviço

Foto: Divulgação

Monte Carlo (Mônaco) - Não foi a estreia dos seus sonhos, mas o escocês Andy Murray arranjou um jeito de vencer sua primeira partida no saibro lento de Monte Carlo, onde nunca passou das semifinais. O líder do ranking cometeu oito duplas faltas antes de superar o canhoto luxemburguês Gilles Muller, por 7/5 e 7/5.

Seu adversário de terceira rodada será outro canhoto, mas desta vez o especialista em saibro Albert Ramos. O espanhol, número 24 do ranking nesta semana, passou facilmente pelo argentino Carlos Berlocq, por duplo 6/2. Apesar de conviverem no circuito há 10 anos, Murray e Ramos jamais se cruzaram antes.

Sem jogar há quase 40 dias, Murray era dúvida em Monte Carlo até sexta-feira. Ele próprio vinha dizendo não estar com confiança no saque e isso ficou claro durante boa parte do duelo contra Muller. Logo no game de abertura, cometeu três duplas faltas e perdeu o serviço. O canhoto apostou em jogo agressivo e liderou até ter 5/4 e serviço. Aí falhou, errou bolas fáceis nos três games seguintes e permitiu a virada.

O líder do ranking começou o segundo set novamente cedendo seu serviço, reagiu em seguida e se safou de break-point no terceiro game após nova dupla falta. Só então seu jogo ganhou corpo. Devolveu melhor, conseguiu trabalhar os pontos e variou com deixadas e lobs, embora tenha até exagerado nesses dois recursos. Depois de não aproveitar um 0-30 no 10º game, conseguiu uma passada espetacular e liquidou o placar no 12º.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis