Notícias | Dia a dia
Carreño vence e desafia Djokovic, Haas é eliminado
19/04/2017 às 08h53

Carreño perdeu para Djokovic em Mônaco 3 anos atrás

Foto: Divulgação

Monte Carlo (Mônaco) - Depois de conseguir passar pela estreia, em uma tortuosa partida contra o francês Gilles Simon, o sérvio Novak Djokovic conheceu seu próximo adversário na chave do Masters 1000 de Monte Carlo. Nas oitavas de final, o número 2 do mundo vai desafiar o espanhol Pablo Carreño.

Cabeça de chave 12, o espanhol anotou sua segunda vitória no torneio nesta quarta-feira, deixando pelo caminho o russo Karen Khachanov em sets diretos, com duplo 6/4 anotado em 1h28 de confronto. Será a segunda vez que Carreño vai cruzar com Djokovic, que levou a melhor no outro encontro, justamente no saibro monegasco. 

Três anos atrás eles mediram forças também pelas oitavas e o sérvio dominou a partida, cedendo apenas um game ao rival. Só que desta vez Carreño deve dar bem mais trabalho, já que faz um bom começo de ano, com o vice-campeonato no Rio Open e uma semifinal no Masters 1000 de Indian Wells.

Quem não conseguiu passar da segunda rodada foi o veterano alemão Tommy Haas, que teve um duro oponente pela frente. Nono pré-classificado, o tcheco Tomas Berdych chegou a perder o primeiro set para o germânico de 39 anos, mas depois conseguiu se recuperar e acabou vencendo de virada, com placar final de 3/6, 6/1 e 6/4. 

Nas oitavas, Berdych vai enfrentar quem passar do duelo entre o croata Marin Cilic e o francês Jeremy Chardy. O tcheco tem vantagem mínima no retrospecto contra Cilic, contando com seis vitórias e cinco derrotas, ao passo que contra Chardy o histórico é todo em prol do atual1 2 do mundo, que venceu os quatro embates.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis