Notícias | Dia a dia
Bia é eliminada, mas pode atingir melhor ranking
11/04/2017 às 16h59

Resultados do quali renderam 18 pontos à canhota paulista

Foto: Arquivo

Bogotá (Colômbia) - Depois de duas vitórias no qualificatório, Beatriz Haddad Maia perdeu na estreia da chave principal do WTA de Bogotá. A canhota de 20 anos e 153ª do mundo perdeu o duelo sul-americano para a 109ª colocada paraguaia Veronica Cepede Royg por 2/6, 6/3 e 6/4 em 2h25 de partida.

Apesar da derrota, Bia tem chance de superar o melhor ranking de sua carreira. As duas vitóiras obtidas no quali em Bogotá renderam-lhe 18 pontos que serão acrescidos na próxima segunda-feira. Provisoriamente, ela está assumindo o 146º lugar e ficando duas posições acima de seu recorde pessoal, obtido em julho de 2015. Entretanto, ela precisa aguardar os resultados de outras concorrentes diretos.

O início de partida foi arrasador para Bia, que quebrou três vezes seguidas e chegou a liderar por 5/0 com apenas três pontos cedidos em seu saque. Mesmo perdendo um game de serviço, a vantagem construída foi suficientemente confortável para que ela vencesse o priemiro set.

A paraguaia abriu 2/0 no início do segundo set, mas permitiu o empate de imediato. Em uma parcial que teve cinco duplas-faltas de Bia Haddad, Cepede criou oportunidades de quebra nos quatro games de saque da paulista e aproveitaria uma chance no fim do set. Sacando para empatar o jogo, a paraguaia ainda salvou três break points, um deles com ace.

A parcial decisiva começou com domínio das sacadoras até que Cepede conseguisse a quebra no quinto game. Bia poderia ter empatado logo na sequência, mas perdeu um break point em longo rali quando já havia começado a chover forte na capital colombiana.

O jogo foi interrompido no fim daquele ponto e retomado duas horas depois, quando a brasileira agrediu bastante nas devoluções e até teve uma chance de quebra, mas não conseguiu igualar a disputa. Depois disso, a canhota paulista saiu de um 15-40 com bons saques e não voltaria a ameaçar o serviço da rival.

Bia continua em Bogotá para a disputa do torneio de duplas, do qual já foi campeã há dois anos junto da campineira Paula Gonçalves. Desta vez, a parceira da canhota paulista é a argentina Nadia Podoroska e suas primeiras rivais são a eslovena Dalila Jakupovic e a argentina Guadalupe Perez Rojas.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis