Notícias | Dia a dia
Federer confirma favoritismo e decisão será suíça
18/03/2017 às 17h53

Federer vai para sua 43ª final de Masters 1000

Foto: Billie Weiss/BNP Paribas Open

Indian Wells (EUA) - Assim como aconteceu na primeira semifinal deste sábado, a outra partida do dia também foi definida em sets diretos. Roger Federer começou com tudo, mas o norte-americano Jack Sock elevou seu nível na segunda parcial e deu mais trabalho, só que não evitou a vitória do suíço por 2 a 0, com placar final de 6/1 e 7/6 (7-4), depois de 1h14 de confronto.

Independente do resultado da final, neste domingo às 17h (horário de Brasília), título do Masters 1000 de Indian Wells vai para a Suíça, já que o oponente de Federer será o compatriota Stan Wawrinka. Os dois já se enfrentaram 22 vezes e a vantagem é toda do tenista da Basileia, que soma 19 triunfos e apenas três derrotas. 

Federer deu show no primeiro set, mostrou todo seu vasto arsenal de golpes e dominou o rival norte-americano. A primeira quebra não demorou a acontecer e veio já no quarto game. Depois disso só deu o suíço, que não perdeu mais um game sequer, confirmou os dois saques seguintes e ainda obteve mais um break para fechar a parcial com um imponente 6/1 anotado em 20 minutos. 

Sock saiu de quadra na virada e a pausa parece ter lhe feito muito bem. Mais calmo e consistente, ele voltou bem melhor para o segundo set e conseguiu dar bem mais trabalho ao suíço, que seguiu sem ter o saque ameaçado, mas agora não conseguiu um break sequer, desperdiçando a única chance que teve, no sétimo game. 

A definição foi então para o tiebreak, em que Sock chegou a largar na frente, com um mini-break anotado no terceiro ponto. Só que depois de abrir 3-1, ele perdeu quatro pontos seguidos e a vantagem que tinha. Federer voltou a superar um saque do norte-americano, fez 5-4 e teve dois saques para fechar, confirmou ambos e selou o triunfo.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis