Notícias | Dia a dia
Federer: 'É uma pena, estava ansioso pelo jogo'
18/03/2017 às 11h41

Federer foi à quadra falar com o público que não o viu em ação

Foto: Billie Weiss/BNP Paribas Open

Indian Wells (EUA) - O suíço Roger Federer ganhou de bandeja a vaga nas semifinais do Masters 1000 de Indian Wells, contando com a desistência do australiano Nick Kyrgios, que alegou uma intoxicação alimentar para não entrar em quadra nesta sexta-feira. Ele foi o único que ficou de fora do Estádio 1 do torneio californiano, já que o ex-número 1 esteve por lá para falar com o público.

"Falei com Tommy (Haas, diretor do torneio) no vestiário e disse que se tivesse gente em quadra eu não teria problemas para ir lá explicar o que aconteceu, que Nick não conseguiria jogar porque estava doente", declarou o suíço. "Estava realmente ansioso pela partida, pois é assim que o tênis deve acontecer. É uma pena", completou Federer. 

Apesar de lamentar a ausência de Kyrgios no duelo válido pelas quarta, o tenista da Basileia festejou seu momento na competição. "Estou feliz com o que fiz até então em Indian Wells e espero fazer uma boa partida amanhã, Joguei muito bem contra Rafa e não posso estar mais contente com meu desempenho", analisou.

"Os últimos seis meses do ano passado foram difíceis, joguei apenas um torneio naquela temporada em que estava 100%, que foi o Australian Open, em todos os outro estava doente, com dores, machucado ou simplesmente não me sentindo bem", lembrou Federer, que ficou seis meses afastado do circuito para se recuperar totalmente e retornar com tudo. 

"Voltar às quadras e me sentir normal novamente foi muito bom, fez me sentir feliz e aliviado. Tenho tentado mostrar isso às pessoas, estou jogando sem pressão e aproveitando minhas chances como se não tivesse nada a perder", finalizou o suíço, que fez valer o período de descanso e abriu 2017 conquistando o título do Australian Open.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis