Notícias | Dia a dia
Rogerinho e Feijão param nas quartas na Argentina
17/03/2017 às 22h43

Rogerinho chegou a liderar o último set por 4/0, mas caiu para veterano espanhol

Foto: Arquivo

Tigre (Argentina) - Depois de vencerem seus jogos de oitavas de final no início da tarde desta sexta-feira, João "Feijão" Souza e Rogério Dutra Silva voltaram a jogar durante à noite pelas quartas de final do challenger de Buenos Aires e forem eliminados da competição.

O torneio de US$ 50 mil é disputado na cidade de Tigre, que fica na região metropolitana da capital argentina, em quadras de piso duro. E os brasileiros tiveram que fazer uma rodada dupla por conta da chuva que caiu na quarta-feira e adiou todos os jogos daquele dia, atrasando a programação.

Rogerinho, que vinha de título no saibro de Santiago, teve encerrada a série de sete vitórias seguidas. O paulista de 33 anos e 85º do ranking chegou a liderar o último set por 4/0, mas caiu para o veterano espanhol de 39 anos Ruben Ramirez-Hidalgo por 7/6 (7-4), 4/6 e 6/4 em 2h32 de jogo.

Na próxima segunda-feira, Rogerinho irá somar os 80 pontos da conquista da última semana no Chile, mas tem 55 a descontar. Já os 15 pontos obtidos no torneio argentino sequer entram para a lista de seus 18 melhores resultados. Dessa forma, ele não poderá superar seu melhor ranking na carreira, o 82º lugar.

Já Feijão caiu para o japonês Taro Daniel por 6/2 e 6/3. O paulista de 28 anos fez quartas em duas semanas seguidas e acumulou 30 pontos, tendo 18 a descontar. Com isso, o ex-número 69 e atual 125º do ranking ganhará duas posições. Ele ainda terá a missão de defender 68 pontos no início de abril.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis