Notícias | Dia a dia
Murray não sabe explicar oscilações e derrota
12/03/2017 às 09h25

Murray deixa escapar grande chance de disparar no ranking

Foto: ATP

Indian Wells (EUA) - Nem mesmo Andy Murray conseguiu explicar o motivo de seus altos e baixos na partida de estreia em Indian Wells. Depois de abrir vantagem no primeiro set e sugerir que caminhava para mais uma vitória sobre o canadense Vasek Pospisil, ele perdeu o rumo da partida e foi dominado pelo excelente jogo de rede do adversário, 129º do ranking.

"Não sei dizer exatamente como eu perdi", admitiu o escocês. "Vinha treinando muito bem. Alguns anos eu jogo um grande tênis aqui, em outros, não. Não sei se são as condições de Indian Wells, não sei realmente o porquê disso", afirmou, referindo-se à pouco umidade e ao vento que por vezes é forte na região.

"Pospisil sempre joga dessa forma, mas talvez tenha feito um pouco melhor hoje. Estava mais sólido no fundo da quadra. Isso lhe deu maiores oportunidades de vir para a rede, porque lhe deu paciência para esperar a situação ideal", analisou o britânico, que jamais havia perdido set para o adversário em quatro duelos anteriores.

"Eu não saquei bem esta noite, e este foi um ponto crucial, não ajudou o jogo fluir", afirmou o escocês sobre a sequência de seis games consecutivos e três quebras que sofreu entre o final do primeiro set e o começo do seguinte. "A partir daí, ele começou a jogar de forma agressiva. Não acho que eu tenha falhado nas tentativas de passada, embora tenha perdido algumas. Ele no entanto fez voleios com grande reflexo nos momentos mais importantes do jogo", elogiou.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis