Notícias | Dia a dia
Quali canadense usa voleios para derrubar Murray
12/03/2017 às 02h10

Pospisil converteu dois dos quatro break-points que teve na partida

Foto: ATP

Indian Wells (EUA) - A tática usada pelo alemão Mischa Zverev caiu como uma luva para o canadense Vasek Pospisil. Ex-25 do ranking e excelente duplista, ele abusou das subidas à rede, fez excelentes voleios e derrotou o número 1 do mundo Andy Murray na segunda rodada do Masters 1000 de Indian Wells, com o placar de 6/4 e 7/6 (7-5).

Murray continua assim com altos e baixos neste início de temporada como líder do ranking. Depois do vice em Doha, decepcionou no Australian Open. Há duas semanas, conquistou o ATP 500 de Dubai, mas agora sequer passa da estreia do primeiro Masters da temporada.

Atual 129º do ranking e sem resultados expressivos em simples há muito tempo, Pospisil teve de superar o qualificatório para entrar no torneio e sofreu na primeira rodada contra o veterano Yen-Hsun Lu. Ele enfrentará outro qualificado, o sérvio Dusan Lajovic, que tirou o cabeça 30 Feliciano Lopez, por 6/2, 4/6 e 7/6 (7-2).

Quem passar desse duelo irá enfrentar um espanhol, já que Roberto Bautista jogará contra Pablo Carreño. Nos jogos de sábado, Bautista eliminou o canhoto francês Adrian Mannarino, por 7/5 e 6/2, enquanto Carreño tirou o alemão Peter Gojowczyk, por 7/5 e 6/2.

No duelo desta madrugada, Murray viu Pospisil muito defensivo nos primeiros games e com facilidade chegou a 4/2. Mas aí o canadense mudou de tática e passou a agredir o tempo todo, tanto no seu bom serviço como no segundo saque do escocês. Com isso, numa sucessão de quebras, empatou, virou o set e ganhou no total seis games seguidos, abrindo 2/0 no segundo set.

Tentando se defender de todas as formas, Murray conseguiu equilibrar o set e levou ao tiebreak. Pospisil foi impecável, colocando toda a pressão possível e viu o líder do ranking colecionar erros. Murray ainda salvou três match-points, mas não evitou a derrota.

Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis