Notícias | Dia a dia | Australian Open
Confira as melhores frases ditas no Aberto da Austrália
29/01/2017 às 15h35

Mirjana Lucic-Baroni

Foto: Site do torneio

“Esta é realmente uma pergunta difícil. Alguém com um lindo, grande nariz, provavelmente.”
Mirjana Lucic-Baroni, quando perguntada quem a representaria em um filme sobre sua vida. 

“Sou seu humilde fã número 1.”
Federer falando de Nadal. 

 “Sinto tanto por Novak, quero dizer, eu joguei de forma inacreditável hoje.”
Denis Istomin em sua entrevista em quadra depois de eliminar o nº 2 do mundo. Ele estava chocado com a proeza. 

 “É uma sensação ótima ter 23. Realmente é ótimo. Tenho perseguido isso por um longo tempo. Quando ele apareceu no meu radar, sabia que tinha uma oportunidade de chegar lá e estou aqui. Eu estou aqui.”
Serena Williams depois de ganhar seu 23º título de Grand Slam contra a irmã Venus. 

 “Eu realmente curto ver o nome 'Williams' no troféu. É uma coisa bonita.”
Venus Williams respondendo se estava desapontada de perder para sua irmã na final. 

 “Na verdade, estava pensando naquele jogo do Isner contra Mahut.Tinha esperança de que pudesse ser tão longo quanto para eu ter o recorde.”
Ivo Karlovic depois de derrotar Horacio Zeballos por 22-20 no 5º set no segundo dia do Aberto da Austrália. Ele queria quebrar o recorde de 70-68 estabelecido por John Isner e Nicolas Mahut em Wimbledon no ano de 2010. 

 “Bom, eu acreditei em mim, acreditei no meu jogo. Acreditei que jogando saque-voleio bastante contra ele e dando muitos slices, tentando quebrar seu ritmo, iria funcionar, o que acabou dando certo no fim.”
Mischa Zverev sobre a chave do sucesso contra Andy Murray. 

 “O ano passado foi duro. Quando se sente que está jogando bem e tem de deixar Roland Garros sem ter entrado em quadra. Eu lembro de chorar no carro na volta para o hotel. Aquilo foi duro.”
Rafael Nadal relembrando sua desistência de Roland Garros e pensando que nunca poderia voltar a uma final de Slam novamente. 

“Mas pelo menos uma coisa posso dizer: que dei tudo na quadra e estou orgulhoso disso e orgulhoso de minha equipe. Orgulhoso do meu técnico, de cada um que tomou conta de mim. Foi super-intenso. Podemos relaxar um pouco agora e voltar ao trabalho.”
Grigor Dimitrov depois de ser eliminado por Nadal na semifinal. 

 “Talvez eu jogue melhor nervosa e receosa. Não sei .... Acho que não amarelo diante de um desafio, necessariamente. Nunca. Enquanto crescia, sempre estava querendo provar que as pessoas estavam erradas quanto a várias coisas.”
CoCo Vandeweghe 

 “Especialmente Ken Rosewall. Não falamos muito a respeito dele. Eu o considero um homem maravilhoso. Ele escreveu-me uma carta, novamente nesta semana, para me desejar boa sorte. Ele faz isso todos os anos no Aberto da Austrália. Ainda não me encontrei com ele, infelizmente. Sei que está por aí. Amo aquela geração de jogadores com Tony Roche, Rod Laver, Ken Rosewall, Roy Emerson. Sei que é alguns anos mais velho, mas sei que teve uma tremenda carreira. Então, estar no nível destes caras é uma tremenda sensação. Amo esses caras.”
Roger Federer sobre ser reconhecido no mesmo time das lendas australianas.

Comentários