Notícias | Dia a dia | US Open
Wawrinka diz que chave são confiança e bom físico
10/09/2016 às 09h36

Wawrinka diz que está afastando os pensamentos negativos durante as partidas

Foto: Site oficial

Nova York (EUA) - Considerado muitas vezes um tenista pesado e fora do peso, o suíço Stan Wawrinka garante que está usando as difíceis condições do US Open a seu favor. Ele garantiu que a chave da vitória na semifinal de sexta-feira sobre o japonês Kei Nishikori foi a ótima forma física diante do calor e da forte umidade na cidade.

"Sabia que poderia me recuperar após a perda do primeiro set", avaliou o núemro 3 do ranking. "Meu plano de jogo é ser agressivo e poderia lutar por três, quatro ou cinco horas. A ideia é esticar os jogos, fazê-los sofrer, como fiz diante de (Juan Martin) Del Potro e agora contra Nishikori".

O suíço garante que está com uma conduta positiva. "Estava realmente úmido, condições difíceis. Era importante não demonstrair isso, ficar ali apertando, porque sei que num jogo de cinco sets haverá normalmente altos e baixos. É fundamental não gastar energia com postura negativa e mostrar seu adversário que você está lutando. Isto tudo fez diferença para mim hoje".

Wawrinka anotou sua 14ª virada no US Open depois de perder o primeiro set em 19 partidas e conseguiu enfim atingir a final do US Open na sua 12ª participação em Nova York. Agora, vai tentar o terceiro troféu de Grand Slam em torneios distintos, tendo vencido antes na Austrália e na França, curiosamente em ambos derrotando em algum estágio o sérvio Novak Djokovic, seu adversário das 17 horas deste domingo.

Comentários