fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Andy Murray, Roland Garros Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Andy Murray, Roland Garros Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Andy Murray, Roland Garros tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0605_rg_vibra_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0605_rg_vibra_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Djokovic fecha Slam com coracao em Roland Garros
05/06/2016 às 13h17
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0605_rg_vibra_int.jpg" title="Djokovic triunfou em Paris após três vice-campeonatos" />

Djokovic triunfou em Paris após três vice-campeonatos

Foto: Divulgação
Veja as fotos
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic2011.jpg">fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic2010.jpg">fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic209.jpg">fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic206.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic205.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic204.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic203.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic202.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic201.jpg">
Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - A espera foi longa, as chances foram muitas, mas o final feliz acabou sorrindo para o sérvio Novak Djokovic. Neste domingo, o número 1 do mundo enfim pode comemorar o tão sonhado título de Roland Garros depois de falhar em três finais, celebrando também a conquista do Grand Slam de carreira. Na comemoração ele repetiu Guga e desenhou um coração no saibro da Philippe Chatrier. 

Djokovic se tornou apenas o oitavo homem a conseguir triunfar nos quatro principais torneios do circuito, sendo o segundo mais velho a atingir esta marca, atrás apenas do norte-americano Andre Agassi. O feito veio com direito a virada para cima do britânico Andy Murray, na final deste domingo, com placar final de 3/6, 6/1, 6/2 e 6/4. 

Outro feito atingido pelo sérvio é o de conseguir vencer os quatro Grand Slam de forma consecutiva, algo que apenas o americano Don Budge e o australiano Rod Laver conseguiram. Djokovic também fez uma rara dobradinha Australian Open/Roland Garros, algo que aconteceu apenas dez vezes na história, a última delas em 1992, com o americano Jim Courier.

Desde o título do US Open, em 2011, Djokovic vem perseguindo a conquista em Roland Garros, a única de Slam que estava faltando. Ele esteve bem perto em três oportunidades, foi às finais de 2012, 2014 e 2015, perdendo as duas primeiras para o espanhol Rafael Nadal e a última delas para o suíço Stan Wawrinka. 

O sérvio é o campeão em Paris que mais teve que jogar para isso, precisando de 12 aparições no torneio até a inédita conquista. Com a taça levantada neste domingo na capital francesa, Djkovic vai a 12 e diminui a diferença para o recorde de títulos de Grand Slam, que atualmente pertence ao suíço Roger Federer com 17. Empatou na terceira colocação com o australiano Roy Emerson, atrás dos 14 de Rafael Nadal e Pete Sampras. 

Coadjuvante de luxo na decisão deste domingo, Murray foi quebrado logo no primeiro game, mas mostrou firmeza e venceu os quatro seguintes, batendo o saque do sérvio dias vezes. Sem dar novas chances a Djokovic, o britânico errou pouco e largou na frente. Contudo, ele não conseguiu manter o ritmo na sequência da partida e viu o líder do ranking crescer.

Já no começo da segunda parcial ficou clara a mudança do panorama da partida, com Djokovic errando cada vez menos e dominando o rival. Empurrado pela torcida, torcendo claramente para o sérvio, ele anotou mais uma quebra para empatar o jogo em 1 a 1, fechando o segundo set com arrasadores 6/1. 

Sem conseguir reagir, Murray perdeu o segundo set novamente com duas quebras contra e seguiu ladeira abaixo no terceiro, em que logo de cara foi quebrado. Djokovic fez a sua parte, manteve o nível de jogo lá em cima e rumou para a virada na final, finalmente uma a seu favor, tendo perdido nos dois últimos anos depois de vencer o primeiro set.

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic
Andy Murray
Roland Garros
Últimas notícias
15h12Assista ao melhor da final do ATP de Antuérpia
14h49Na Bélgica, Tsonga conquista o quarto título do ano
14h24Venus tira lições da derrota e mira o próximo jogo
14h16Confira a conquista de Del Potro na Suécia
13h51Pliskova diz que estreia não poderia ser melhor
Comentários