fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Andy Murray, Roland Garros Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Andy Murray, Roland Garros Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Andy Murray, Roland Garros tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0605_rg_vibra_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0605_rg_vibra_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Djokovic fecha Slam com coracao em Roland Garros
05/06/2016 às 13h17
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0605_rg_vibra_int.jpg" title="Djokovic triunfou em Paris após três vice-campeonatos" />

Djokovic triunfou em Paris após três vice-campeonatos

Foto: Divulgação
Veja as fotos
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic2011.jpg">fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic2010.jpg">fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic209.jpg">fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic206.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic205.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic204.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic203.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic202.jpg">
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
" alt="Foto: Divulgação" src="/fotos/galerias/djokovicenfimcampeaoemrolandgarros/novakdjokovic201.jpg">
Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - A espera foi longa, as chances foram muitas, mas o final feliz acabou sorrindo para o sérvio Novak Djokovic. Neste domingo, o número 1 do mundo enfim pode comemorar o tão sonhado título de Roland Garros depois de falhar em três finais, celebrando também a conquista do Grand Slam de carreira. Na comemoração ele repetiu Guga e desenhou um coração no saibro da Philippe Chatrier. 

Djokovic se tornou apenas o oitavo homem a conseguir triunfar nos quatro principais torneios do circuito, sendo o segundo mais velho a atingir esta marca, atrás apenas do norte-americano Andre Agassi. O feito veio com direito a virada para cima do britânico Andy Murray, na final deste domingo, com placar final de 3/6, 6/1, 6/2 e 6/4. 

Outro feito atingido pelo sérvio é o de conseguir vencer os quatro Grand Slam de forma consecutiva, algo que apenas o americano Don Budge e o australiano Rod Laver conseguiram. Djokovic também fez uma rara dobradinha Australian Open/Roland Garros, algo que aconteceu apenas dez vezes na história, a última delas em 1992, com o americano Jim Courier.

Desde o título do US Open, em 2011, Djokovic vem perseguindo a conquista em Roland Garros, a única de Slam que estava faltando. Ele esteve bem perto em três oportunidades, foi às finais de 2012, 2014 e 2015, perdendo as duas primeiras para o espanhol Rafael Nadal e a última delas para o suíço Stan Wawrinka. 

O sérvio é o campeão em Paris que mais teve que jogar para isso, precisando de 12 aparições no torneio até a inédita conquista. Com a taça levantada neste domingo na capital francesa, Djkovic vai a 12 e diminui a diferença para o recorde de títulos de Grand Slam, que atualmente pertence ao suíço Roger Federer com 17. Empatou na terceira colocação com o australiano Roy Emerson, atrás dos 14 de Rafael Nadal e Pete Sampras. 

Coadjuvante de luxo na decisão deste domingo, Murray foi quebrado logo no primeiro game, mas mostrou firmeza e venceu os quatro seguintes, batendo o saque do sérvio dias vezes. Sem dar novas chances a Djokovic, o britânico errou pouco e largou na frente. Contudo, ele não conseguiu manter o ritmo na sequência da partida e viu o líder do ranking crescer.

Já no começo da segunda parcial ficou clara a mudança do panorama da partida, com Djokovic errando cada vez menos e dominando o rival. Empurrado pela torcida, torcendo claramente para o sérvio, ele anotou mais uma quebra para empatar o jogo em 1 a 1, fechando o segundo set com arrasadores 6/1. 

Sem conseguir reagir, Murray perdeu o segundo set novamente com duas quebras contra e seguiu ladeira abaixo no terceiro, em que logo de cara foi quebrado. Djokovic fez a sua parte, manteve o nível de jogo lá em cima e rumou para a virada na final, finalmente uma a seu favor, tendo perdido nos dois últimos anos depois de vencer o primeiro set.

fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic
Andy Murray
Roland Garros
Últimas notícias
23h33Favoritos vão às semifinais em Garopaba. Miller cai.
17h14Kurata não passa da semi em ITF boliviano
16h07Jordan para nas semifinais em torneio no Egito
14h55Sorgi leva título de duplas no future de Lima
13h59Kvitova revela que mão ainda não está 100%
Comentários