fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Serena Williams, Teliana Pereira , Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Serena Williams, Teliana Pereira , Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Serena Williams, Teliana Pereira , tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/teliana/0524_rg_preparasaque_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/teliana/0524_rg_preparasaque_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Serena da poucas chances e elimina Teliana em Paris
26/05/2016 às 12h39
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/teliana/0524_rg_preparasaque_int.jpg" title="Teliana fez três games e chegou a conseguir uma quebra" />

Teliana fez três games e chegou a conseguir uma quebra

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - Em sua primeira oportunidade de enfrentar a número 1 do mundo Serena Williams, Teliana Pereira teve poucas chances contra vencedora de 21 títulos de Grand Slam. Em 1h06 de partida, válida pela segunda rodada de Roland Garros, a tricampeã Serena fez 6/2 e 6/1 para avançar em Paris e enfrentar Timea Babos ou Kristina Mladenovic na próxima fase.

Teliana começou o jogo mostrando seu habitual estilo de fundo de quadra e buscando bolas altas, mas Serena explorou o baixo acerto de saque da brasileira para atacar o segundo serviço e quebrar duas vezes seguidas para largar com 4/0 no placar.

Buscando algumas variações com slices e subidas à rede, Teliana devolveu uma das quebras, mas continuou com dificuldade para confirmar o serviço e viu Serena fechar o set com vantagem de 22 a 3 nos winners. Na segunda parcial, a americana cedeu apenas três pontos em seu saque e quebrou em três oportunidades para consolidar a tranquila vitória.

Ainda que Teliana tenha repetido a campanha de segunda rodada na chave principal do ano passado, com 70 pontos no ranking, ela terá um desconto de outros 40 referentes ao quali que furou em 2015. Haverá, assim, uma leve queda de em torno de cinco posições.

É improvável que Teliana entre na chave olímpica diretamente pelo ranking, que dá 56 vagas, mas ela deverá confirmada como uma das seis atletas selecionadas pela ITF, uma vez que o país sede não teria nenhuma representante na chave feminina.

Últimas notícias
Comentários