fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Andy Murray, Mathias Bourgue, Ivo Karlovic, Roland Garros, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Andy Murray, Mathias Bourgue, Ivo Karlovic, Roland Garros, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Andy Murray, Mathias Bourgue, Ivo Karlovic, Roland Garros, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/murray/0525_rg_corre_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/murray/0525_rg_corre_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Murray sofre de novo mas evita inesperada derrota
25/05/2016 às 12h44
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/murray/0525_rg_corre_int.jpg" title="Murray tem 22 vitórias em 29 jogos de cinco sets" />

Murray tem 22 vitórias em 29 jogos de cinco sets

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - Apesar de curta, a campanha do britânico Andy Murray em Roland Garros já é sacrificante. Depois de precisar virar na estreia, após estar perdendo por 2 sets a 0, ele encarou mais uma batalha de cinco sets e por pouco não sofreu uma inesperada derrota para o convidado da casa Mathias Bourgue, de 22 anos e atual 164 do mundo.

O desconhecido francês teve uma apresentação firme e jogou o que pode, contou com mais um dia errante de Murray e chegou a abrir 2 sets a 1. Só que o britânico mais uma vez cresceu na reta final e acabou ficando com a vitória em mais uma partida de cinco sets, desta vez fechando com o placar final de 6/2, 2/6, 4/6, 6/2 e 6/3, em 3h34 de embate.

Na terceira rodada, o escocês terá pela frente o potente saque do croata Ivo Karlovic, cabeça de chave 27, que anotou 41 aces na vitória sobre o australiano Jordan Thompson, e se tornou o mais velho tenista a atingir a terceira rodada de uma chave masculina de Grand Slam em 25 anos, repetindo a façanha do norte-americano Jimmy Connors. Murray venceu todos os seis jogos que travou com o grandalhão croata.

A partida contra o desconhecido Bourgue começou tranquila para Murray, que venceu o primeiro set e abriu 2/0 no segundo. Só que depois disso, o britânico sofreu um apagão em quadra, perdeu oito games seguidos e viu o jogo que estava nas mãos se complicar bastante. Ele não conseguiu devolver a quebra de vantagem e levou a virada. 

Em situação complicada, perdendo por 2 sets a 1, Murray colocou a cabeça um pouco no lugar e melhorou na partida. Depois de salvar três break-points na largada do quarto set, ele anotou duas quebras para cima de Bourgue e forçou a quinta parcial, em que chegou a sacar em 5/1, não confirmou na primeira, mas voltou a servir para o jogo em 5/3 e desta vez não deixou a chance passar.

Murray escapou de sofrer não apenas uma derrota inesperada e prematura, mas também a pior da carreira em Grand Slam. Em seu histórico nos quartro principais torneios do circuito ele nunca perdeu para alguém fora do top 100, sendo seu algoz de pior ranking o francês Arnaud Clement, então 91 do mundo, na eliminação do US Open de 2005.

Últimas notícias
Comentários