fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Francesca Schiavone, badminton, Rio Open Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Francesca Schiavone, badminton, Rio Open Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Francesca Schiavone, badminton, Rio Open tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/topspin/Schiavone_badminton_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/topspin/Schiavone_badminton_int.jpg" />
Notícias | Top Spin
Schiavone experimenta badminton antes da final
22/02/2016 às 17h06
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/topspin/Schiavone_badminton_int.jpg" title="" />
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Rio de Janeiro (RJ) - Neste domingo, antes da final feminina do Rio Open, no Jockey Club Brasileiro, a italiana Francesca Schiavone experimentou um pouco do badminton. Após o treino antes da partida decisiva contra a americana Shelby Rogers, a campeã de Roland Garros-2010 viu a rede montada para uma atividade do Rio Open e se interessou. Schiavone, então, deixou seu material de lado e disputou um rali com o vice-presidente da Federação de Badminton do Estado do Rio de Janeiro (FEBARJ), Marco Antonio Silva de Araújo.

Em seguida, a italiana agradeceu e seguiu para sua concentração antes da decisão. Esta é a segunda vez que Schiavone disputa o Rio Open. Em 2014, foi eliminada na primeira rodada. 

Nas Olimpíadas do Rio, o Brasil fará sua estreia olímpica no badminton. Por ser o país-sede, tem direito a uma vaga em simples masculina e feminina. A corrida pela vaga termina no dia 1º de maio e a classificação é pelo ranking mundial. Daniel Paiola e Ygor Coelho disputam a classificação entre os homens, enquanto Lohaynny Vicente e Fabiana Silva competem entre as mulheres. Na dupla feminina, o Brasil ainda busca a vaga pelo ranking.

 

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
Wilson
Bolas de Tênis Delivery
Paulistana