fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Rafael Nadal, Roger Federer, Bjorn Borg, Rod LaverCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Rafael Nadal, Roger Federer, Bjorn Borg, Rod LaverCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Novak Djokovic, Rafael Nadal, Roger Federer, Bjorn Borg, Rod Lavertênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0126_ausopen_vibra_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0126_ausopen_vibra_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Australian Open
Djokovic iguala Borg e Laver e já ameaca Nadal
31/01/2016 às 10h15
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/djokovic/0126_ausopen_vibra_int.jpg" title="Djokovic pode igualar em Paris os 12 Slam de Emerson " />

Djokovic pode igualar em Paris os 12 Slam de Emerson

Foto: Arquivo
Suely Kawana
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Ao atingir o 11º troféu de Grand Slam ainda aos 28 anos, o sérvio Novak Djokovic consegue imediatamente um feito e tanto, ao somar o mesmo número de títulos desse quilante que o sueco Bjorn Borg e o australiano Rod Laver, duas verdadeiras lendas do esporte, obtiveram ao longo de suas carreiras.

Com isso, Nole avança mais uma página no livro de história e passa a figurar no quinto lugar entre os maiores vencedores de Slam, tendo já deixado para trás profissionais como Andre Agassi, Ivan Lendl e Jimmy Connors e amadores como Bill Tilden e Fred Perry.

Ele se torna ameaça real ao espanhol Rafael Nadal, que parou no 14º troféu em Roland Garros de 2014 e não tem mostrado competitividade. Desde então, sequer passou das quartas de final em qualquer Slam. O canhoto espanhol está empatado com outra lenda, Pete Sampras, no segundo lugar entre os maiores vencedores.

A meta de Djokovic de superar Roger Federer está necessarimaente mais distante, já que o suíço tem agora seis de vantagem. Ele vive jejum ainda maior de conquistas, que vem desde Wimbledon de 2012. Nesse longo período, teve três chances de ir ao 18º, porém perdeu todas diante do próprio Djokovic, duas no ano passado.

Com seis troféus na Austrália, três em Wimbledon e dois no US Open, o sérvio mira agora a marca de Roy Emerson, que faturou 12 Grand Slam, e isso pode acontecer no saibro de Paris, único lugar onde Djokovic ainda não dominou e é certamente sua grande meta da temporada.

Saiba mais

• Veja a lista dos maiores vencedores de Grand Slam

Últimas notícias
Comentários