fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Jamie Murray, Australian Open Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Jamie Murray, Australian Open Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Bruno Soares, Jamie Murray, Australian Open tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bruno_soares/0128_ausopen_murray_combinam_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bruno_soares/0128_ausopen_murray_combinam_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Australian Open
Bruno e Jamie derrotam franceses e vão à final
27/01/2016 às 23h31
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/bruno_soares/0128_ausopen_murray_combinam_int.jpg" title="Mineiro e britânico disputam apenas o 3º torneio juntos" />

Mineiro e britânico disputam apenas o 3º torneio juntos

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Melbourne (Austrália) - Nada melhor do que uma final de Grand Slam para motivar uma dupla recém-formada. Foi exatamente assim que o mineiro Bruno Soares e o britânico Jamie Murray deram a largada na parceria iniciada no começo de 2016. Nesta quinta-feira, eles garantiram lugar na decisão do Australian Open ao derrotarem os franceses Lucas Pouille e Adrian Mannarino.

Semifinalistas em Doha e campeões em Sydney, o mineiro e o britânico acabaram com a festa dos surpreendentes franceses na semi. Depois de eliminarem três fortes duplas em sua caminhada até a semifinal, Puille e Mannarino não foram páreo para Bruno e Jamie e acabaram superados em sets diretos, com placar final de 6/3 e 6/1, em apenas 56 minutos de confronto.

A final ainda não está 100% definida e a outra semifinal precisa ser disputada para saber quem Murray e Soares enfrentarão. Os candidatos são os cabeças de chave 16, o uruguaio Pablo Cuevas e o espanhol Marcel Granollers, e a experiente parceria entre o canadense Daniel Nestor e o tcheco Radek Stepanek.

Entre os nomes de peso derrubados por Puille e Mannarino estavam os italianos Simone Bolelli e Fabio Fognini, atuais campeões, os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah, cabeças de chave 12, e o romeno Horia Tecau e o holandês Jean-Julien Rojer, melhor dupla da atualidade, eliminados nas quartas de final.

O primeiro set do duelo desta quinta-feira foi bastante equilibrado. Soares e Murray salvaram dois break-points no quinto game. Logo em seguida foi a vez deles pressionarem o saque dos rivais e foram mais competentes, conseguindo a quebra. O mineiro e o britânico mantiveram a vantagem até o fim da parcial e assim largaram na frente.

Depois de um set relativamente igual, o seguinte acabou se tornando um passeio. A dupla mineiro-britânica dominou as ações e selaram a vitória com uma apresentação incrível. Eles conseguiram três quebras e cederam apenas um game para os franceses Pouille e Mananrino, que não tiveram como fazer frente e acabaram eliminados com propriedade.

Bruno está com tudo neste Australian Open. Além de garantir a vaga na final de duplas ele também segue vivo na chave de duplas mistas, somando já oito vitórias no torneio. Ele e a russa Elena Vesnina estão na semi nas mistas e terão um páreo duro pela frente, podendo enfrentar os principais favoritos, a indiana Sania Mirza e o croata Ivan Dodig, ou os experientes Leander Paes e Martina Hingis.

Últimas notícias
01h58
Comentários