fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Andy Murray, Jamie Murray, David Goffin, Steve Darcis, Copa DavisCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Andy Murray, Jamie Murray, David Goffin, Steve Darcis, Copa DavisCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Andy Murray, Jamie Murray, David Goffin, Steve Darcis, Copa Davistênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/murray/1128_davis_jamie_espera_rede_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/murray/1128_davis_jamie_espera_rede_int.jpg" />
Notícias | Copa Davis
Irmãos Murray deixam britânicos perto do título
28/11/2015 às 15h00
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/murray/1128_davis_jamie_espera_rede_int.jpg" title="Andy Murray pode garantir o título neste domingo" />

Andy Murray pode garantir o título neste domingo

Foto: Site oficial
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Ghent (Bélgica) – Pela terceira rodada seguida, os irmãos Andy e Jamie Murray desempataram um confronto e deixaram a equipe mais perto da vitória na Copa Davis. Neste domingo, o vice-líder do ranking mundial tem a chance de dar à Grã Bretanha um título que não vem desde 1936 e acrescentar esta conquista ao seu longo currículo.

O terceiro jogo do duelo no saibro de Ghent foi tenso e com bons momentos dos dois lados. Os mandantes trocaram Kimmer Coppejans por David Goffin e, apesar de não disputar duplas com regularidade, o número 16 do mundo correspondeu. Após 2h49, os britânicos levaram a melhor sobre Goffin e Steve Darcis, que atuou com uma grande proteção no braço direito, com parciais de 6/4, 4/6, 6/3 e 6/2.

Andy agora venceu as 10 partidas que fez neste ano na Copa Davis – sete em simples e três nas duplas. Ele abre a programação de domingo contra Goffin, às 10h (horário de Brasília), no jogo que pode dar o 10º título à Grã Bretanha.

A vitória renderia algumas marcas expressivas ao britânico, tornando-se o terceiro jogador a vencer todas as partidas de simples em um ano (igualando John McEnroe-1982 e Mats Wilander-1983) e o quarto a alcançar 11 triunfos em uma temporada, algo que não acontece há exatos 10 anos, com o croata Ivan Ljubicic. Murray também apareceria empatado na quinta colocação entre os maiores vencedores de seu país em simples (teria 27-2).

O começo da partida deixou claro o contraste de estilos, com os britânicos subindo à rede sempre que possível e os belgas aceitando trocar bolas do fundo de quadra. Goffin, o menos acostumado às duplas, se soltou aos poucos e fez a diferença na recuperação no segundo set.

A primeira chance de quebra foi dos mandantes, em 4/4, quando Darcis jogou uma devolução na rede, no saque de Andy. Os irmãos pressionaram em seguida e não desperdiçaram o primeiro set point, após um smash de Darcis para fora. No segundo set, um game ruim de Jamie rendeu a quebra aos donos da casa, que subiram o nível e só foram ameaçados antes de fazer 4/2. Em uma inversão da primeira parcial, foi a vez de Andy mandar uma devolução na rede, no saque de Darcis.

O terceiro set foi o que teve mais quebras e oscilação, quando Jamie perdeu seus dois games. A dupla belga liderou por 2/1, sofreu a virada para 4/2 e, depois de três quebras seguidas, Andy confirmou o saque e voltou a colocar os britânicos em vantagem no placar.

O momento continuou favorável à dupla visitante em um apertado início de quarto set. Andy saiu de 0-30 e conseguiu boas devoluções para chegar à quebra. Diante de sete break points, Jamie escapou e manteve o serviço, chegando a 3/1. Uma nova quebra no serviço de Darcis encaminhou a vitória. Nos últimos 10 anos, a equipe que ganhou as duplas na final ficou com o título em oito ocasiões.

Últimas notícias
Comentários