fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Marcelo Melo, Ivan Dodig, Jack Sock, Vasek Pospisil, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Marcelo Melo, Ivan Dodig, Jack Sock, Vasek Pospisil, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Marcelo Melo, Ivan Dodig, Jack Sock, Vasek Pospisil, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/melo/0822_cincy_conversam_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/melo/0822_cincy_conversam_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Melo disputa a quarta final consecutiva em Paris
07/11/2015 às 17h50
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/melo/0822_cincy_conversam_int.jpg" title="Melo e Dodig tentam primeiro título após Roland Garros" />

Melo e Dodig tentam primeiro título após Roland Garros

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - A excelente fase do mineiro Marcelo Melo continua. O número 1 do mundo atingiu neste sábado sua quarta final consecutiva, desta vez ao lado do tradicional parceiro, o croata Ivan Dodig. Os dois viraram a partida diante dos tchecos Tomas Berdych e Radek Stepanek, por 4/6, 6/3 e 10-5 e estão na decisão do Masters 1000 de Paris.

Os adversários na final deste domingo serão o canadense Vasek Pospisil e o norte-americano Jack Sock, que precisam do título para garantir a vaga no Finals de Londres. Os campeões de Wimbledon de 2014 derrotaram o britânico Dominic Inglot e o sueco Robert Lindstedt, por 7/6 (8-6) e 6/1.

Melo conquistou três títulos desde o US Open. Ao lado do sul-africano Raven Klaasen, venceu o ATP 500 de Tóquio e o Masters de Xangai. Depois, se juntou ao polonês Lukasz Kubot e faturou o ATP 500 de Viena. Com essa trajetória, chegou à liderança do ranking na última segunda-feira e garantiu terminar a temporada como o melhor do mundo, independente da campanha no Finals de Londres, que começa dentro de oito dias.

O primeiro set foi cheio de alternâncias. Dodig perdeu logo o primeiro serviço e os tchecos fizeram 2/0, mas permitiram virada para 3/2. Aí foi a vez de Melo perder o saque, o que permitiu aos adversários manter a vantagem até o final do set. Outra sequência de quebras aconteceu no começo do segundo set. Primeiro Stepanek permitiu vantagem, houve então reação e nova quebra da dupla de Melo, que chegou a 3/1 e não cedeu mais terreno. Embalados, os dois quebraram Stepanek no início do match-tiebreak e foram a 3-0 e 5-2, dominando amplamente o dueto adversário até um tranquilo placar de 10-5.

Esta é a final de número 37 de Melo, que já tem 18 títulos na carreira e cinco nesta temporada, incluindo Acapulco e Roland Garros no primeiro semestre. Sua única derrota em decisão aconteceu em Washington, junto a Dodig.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
ProSpin
Wilson
Fisiotenis
Paulistana