fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Beatriz Haddad maia, Nastassja Burnett, Olivia Rogowska, Tessah Andrianjafitrimo, Roland GarrosCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Beatriz Haddad maia, Nastassja Burnett, Olivia Rogowska, Tessah Andrianjafitrimo, Roland GarrosCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Beatriz Haddad maia, Nastassja Burnett, Olivia Rogowska, Tessah Andrianjafitrimo, Roland Garrostênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bia/0512_stgaudens_backfechado_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bia/0512_stgaudens_backfechado_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Bia vence a 2ª e fica a um jogo de Roland Garros
21/05/2015 às 10h30
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bia/0512_stgaudens_backfechado_int.jpg" title="Paulista de 18 anos venceu em sets diretos nesta quinta" />

Paulista de 18 anos venceu em sets diretos nesta quinta

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Paris (França) - A paulista Beatriz Haddad Maia está a uma vitória de disputar seu primeiro Grand Slam como profissional. Nesta quinta-feira, a canhota de 18 anos avançou à rodada final do qualificatório de Roland Garros ao vencer a italiana Nastassja Burnett, 739ª do mundo, por duplo 6/3, em 1h16.

Atual número 2 do Brasil e 167 da WTA, Bia faz duelo inédito contra a australiana Olivia Rogowska, 196ª, nesta sexta. A jogadora de 23 anos precisou virar sobre a promessa francesa Tessah Andrianjafitrimo, de 16 anos, com parciais de 3/6, 6/3 e 6/4 em 2h05.

O primeiro set desta quinta foi equilibrado e com poucas chances. Bia criou dois break points no quarto game e aproveitou o terceiro dois games depois para fazer 4/2. Com 50% de aproveitamento de primeiro serviço, a paulista precisou sair de 15-40 para confirmar a vantagem por 5/2 e não foi mais ameaçada.

Um início de segundo set forte e mais pontos com o saque praticamente definiram a partida para Bia. A canhota largou com 4/0 e cedeu um único ponto quando encaixou o primeiro serviço até sacar em 5/2. Em um longo game, perdeu o serviço pela primeira vez, mas se recuperou imediatamente e fechou o jogo com mais uma quebra.

Como juvenil, Bia foi a Roland Garros três vezes, entre 2011 e 2013. Nas duas últimas aparições, fez oitavas de final em simples e foi vice-campeã nas duplas.

A pernambucana Teliana Pereira também garantiu vaga na rodada final, em sets diretos. Se as duas vencerem nesta sexta, o Brasil terá duas representantes no chave principal de um Slam pela primeira vez em 25 anos.

Últimas notícias
Comentários