fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rafael Nadal, Tim Smyczek, Australian Open Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rafael Nadal, Tim Smyczek, Australian Open Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rafael Nadal, Tim Smyczek, Australian Open tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/nadal/0121_ausopen_ajoelha_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/nadal/0121_ausopen_ajoelha_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Australian Open
Nadal revela que por pouco não desistiu da partida
21/01/2015 às 13h53
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/nadal/0121_ausopen_ajoelha_int.jpg" title="Nadal sentiu cansaço exagerado e tontura na partida" />

Nadal sentiu cansaço exagerado e tontura na partida

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Melbourne (Austrália) - Rafael Nadal teve um dos jogos mais complicados de sua carreira nesta quarta-feira, pela segunda rodada do Australian Open. Além de encarar um inspirado norte-americano Tim Smyczek, que jogou muito bem e forçou o espanhol até onde pode, ele teve que superar um mal-estar que o deixou tonto do terceiro set para frente.

“Em termos de se sentir mal em quadra, foi sim uma das vitórias mais duras. Fiquei bem perto de desistir, pois estava me sentindo bem tonto. Achei que iria perder o equilíbrio e cair no chão”, declarou o canhoto de Mallorca, que precisou de cinco sets e pouco mais de quatro horas para conquistar seu segundo triunfo nas quadra do Melbourne Park.

O número 3 do mundo não soube explicar exatamente o motivo de ter passado mal. “Não sei o que aconteceu. Sei que as condições climáticas estavam diferentes dos últimos dias, muito mais úmido, o que me fez suar demais. Sofri muito em quadra por três horas e meia. Não foi divertido jogar hoje, mas pelo menos o resultado final foi positivo. Espero poder me recuperar”.

Apesar dos problemas que enfrentou durante o jogo, Nadal disse ter entrado em quadra sem indisposição alguma. “Cheguei bem, fiz um bom treino, provavelmente o melhor das últimas semanas. Estava me sentindo completamente normal”, revelou o espanhol, que não pretende mudar a preparação para os próximos confronto.

Por causa da tontura, o espanhol optou por mudar um pouco a tática durante o embate com Smyczek. “Por isso passei a jogar mais agressivamente no terceiro, no quarto e no quinto, sem ter que correr muito e tentando anotar mais bolas vencedoras”, comentou Nadal, que passou a se sentir muito cansado já no fim do primeiro set. “Quando estava sacando no terceiro, quase vomitei, foi uma sensação terrível”.

Sobre o rival norte-americano, Nadal disse que chegou a analisar alguns vídeos antes do embate e se surpreendeu um pouco com o que encontrou em quadra “Fiquei surpreso sim, o que não é uma coisa positiva. Acho que ele jogou muito bem”, comentou o canhoto de Mallorca. “O que ele fez no fim do quinto set foi incrível, merece os parabéns. Disse isso para ele em quadra, mas quero dizer aqui também”, falou o espanhol, destacando a luta de Smyczek no final, salvando três match-points antes de sucumbir.

Últimas notícias
Comentários