fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, David Ferrer, Joao Zwetsch, Australian Open, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, David Ferrer, Joao Zwetsch, Australian Open, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Thomaz Bellucci, David Ferrer, Joao Zwetsch, Australian Open, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bellucci/0120_ausopen_back_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bellucci/0120_ausopen_back_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Australian Open
Bellucci lamenta queda de intensidade contra Ferrer
20/01/2015 às 12h40
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/bellucci/0120_ausopen_back_int.jpg" title="Bellucci segue para os ATP no saibro sul-americano" />

Bellucci segue para os ATP no saibro sul-americano

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Melbourne (Austrália) - O paulista Thomaz Bellucci foi superado, nesta terça-feira, pelo espanhol David Ferrer, cabeça de chave 9 e número 10 do mundo, na partida de estreia do Australian Open. Após um bom primeiro set, o tenista número 1 do Brasil acabou perdendo para o espanhol por 6/7(2-7), 6/2, 6/0 e 6/3. 

"Comecei jogando muito bem. Até metade do segundo set eu estava melhor do que ele, senti que ele não estava confortável em quadra. Depois disso, comecei a encurtar a bola e baixei a intensidade, ele começou a gostar do jogo e não errou praticamente nenhuma bola", observou Bellucci, que volta a São Paulo para se preparar para o ATP de Quito.

Para o técnico João Zwetsch, foi um bom começo. "O Thomaz jogou um set e meio em um nível muito alto, o que é sempre uma perspectiva interessante. Vamos trabalhar bastante a parte mental nesse recomeço do nosso trabalho e alinhar algumas coisas de rotinas. A expectativa é que nos próximos torneios a gente consiga ir cada vez mais evoluindo”, avaliou.

“Esperamos que Thomaz consiga estabelecer esse nível alto que ele jogou hoje (durante um set e meio) num tempo maior dentro dos jogos, que é o que vai nos dar os resultados que estamos buscando”, complementou o treinador do canhoto de Tietê, que será acompanhado por Zwetsch pelo menos até o Masters 1000 de Miami.

O próximo compromisso do número 1 do Brasil será o ATP de Quito, no Equador, em quadras de saibro, a partir de 2 de fevereiro. A parceria entre Bellucci e Zwetsch permanecerá unida durante Brasil Open (9 de fevereiro), Rio Open (16 de fevereiro), ATP 250 de Buenos Aires (23 de fevereiro), Masters 1000 de Indian Wells (9 de março) e Masters 1000 de Miami (23 de março).

Responsável pela eliminação de Bellucci, Ferrer terá pela frente o ucraniano Sergiy Stakhovsky, que precisou de cinco sets para derrubar o sérvio Dusan Lajovic, fechando o jogo com o placar final de 6/3, 4/6, 6/4, 6/7 (3-7) e 6/4. O espanhol enfrentará o ucraniano pela quarta vez, tendo vencido os três embates anteriores, dois deles no saibro e um na grama.

Últimas notícias
Comentários