fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Stanislas Wawrinka, Novak Djokovic, Rafael Nadal, Roger Federer, Australian OpenCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Stanislas Wawrinka, Novak Djokovic, Rafael Nadal, Roger Federer, Australian OpenCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Stanislas Wawrinka, Novak Djokovic, Rafael Nadal, Roger Federer, Australian Opentênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/wawrinka/0118_ausopen_entrevista_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/wawrinka/0118_ausopen_entrevista_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Australian Open
Wawrinka vê Djokovic favorito e não se cobra
18/01/2015 às 10h08
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2015/wawrinka/0118_ausopen_entrevista_int.jpg" title="Wawrinka defende 2 mil pontos pelo título de 2014" />

Wawrinka defende 2 mil pontos pelo título de 2014

Foto: Site oficial
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Melbourne (Austrália) - O suíço Stan Wawrinka está na inédita posição de defender um título de Grand Slam. Depois da incrível campanha do ano passado, quando eliminou o sérvio Novak Djokovic nas quartas e derrotou o espanhol Rafael Nadal na decisão, o agora número 4 do mundo tenta se livrar da pressão.

"Não estou me colocando o objetivo de ganhar novamente este Grand Slam", disparou na coletiva oficial deste domingo em Melbourne. "Sei que posso fazer isso, mas há um longo caminho pela frente. O mais importante é estar preparado para o primeiro jogo e seguir passo a passo".

Wawrinka deverá estrear na terça-feira diante do turco Marsel Ilhan e não tem uma chave dura até pelo menos as oitavas de final, tendo ficado no setor em que figuram o italiano Fabio Fognini e o uruguaio Pablo Cuevas. Só então ele poderá cruzar com o japonês Kei Nishikori ou o espanhol David Ferrer.

Para ele, os três primeiros do ranking são os favoritos ao título, com vantagem de Djokovic. "Rafa (Nadal), Roger (Federer) e o Novak ainda são os favoritos. Talvez um pouco mais o Novak", analisou ele, que poderá cruzar com o sérvio em Melbourne pelo terceiro ano consecutivo. "Se Rafa passar da primeira semana, ele ganhará confiança e ficará bem perigoso".

O  suíço não descarta surpresas: "Temos uma jovem geração chegando, que está buscando vencer um Slam. Acho que será um Australian Open empolgante".

Últimas notícias
Comentários