fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Maria Sharapova, Angelique Kerber, Wimbledon Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Maria Sharapova, Angelique Kerber, Wimbledon Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Maria Sharapova, Angelique Kerber, Wimbledon tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/kerber/0701_wimbledon_estica_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/kerber/0701_wimbledon_estica_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Sharapova destaca poder de devolução de Kerber
01/07/2014 às 19h56
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/kerber/0701_wimbledon_estica_int.jpg" title="Kerber cometeu só 11 erros não forçados contra a russa" />

Kerber cometeu só 11 erros não forçados contra a russa

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - Responsável pela eliminação da russa Maria Sharapova, a alemã Angelique Kerber recebeu elogios da ex-número 1 do mundo depois da vitória por 2 sets a 1, pelas oitavas de final em Wimbledon. A próxima adversária da germânica será a canadense Eugenie Bouchard.

A estratégia agressiva de Sharapova, que anotou 57 bolas vencedora, 30 a mais do que a rival alemã, não foi tão eficiente quanto as devoluções de Kerber. “Ela é uma jogadora que não te dá muitos pontos de erros não forçados. Você tem que realmente ganhar a partida”, observou a musa siberiana.

Se levou um passeio nas bolas vencedoras, Kerber retribuiu nos erros não forçados, fechando o jogo com apenas 11 contra 39 da russa. “Ela devolve muito bem as bolas, uma das melhores do circuito nisso. Não acho que ela tenha uma grande arma, mas o fato é que faz você jogar uma partida muito física”, comentou Sharapova.

“Ela joga muitas bolas de volta e não apenas isso, mas também com profundidade e chapadas”, complementou a russa, que triunfou na grama do All England Club em 2004 e esteve na final pela última vez em 2011. Desde então, esta foi a segunda queda nas oitavas (assim como em 2012), que se junta à eliminação na segunda rodada do ano passado.

Do outro lado, Kerber comemorou o triunfo, principalmente por conta da rival que teve pela frente. “Ela já venceu aqui e é uma grande campeã”, destacou a alemã, que terá um tira-teima com Bouchard nas quartas. As duas jogaram duas vezes, ambas em Grand Slam. A canadense levou a melhor nas oitavas de Roland Garros deste ano e a germânica triunfou na segunda rodada do US Open de 2013.

Últimas notícias
Comentários