fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Na Li, idade, empecilho Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Na Li, idade, empecilho Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Na Li, idade, empecilho tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/na_li/0125_ausopen_trofeu_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/na_li/0125_ausopen_trofeu_int.jpg" />
Notícias | Top Spin
Idade não atrapalha, garante Li aos 32 anos
18/06/2014 às 17h44
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/na_li/0125_ausopen_trofeu_int.jpg" title="" />
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Pequim (China) – Na Li, atual número 2 do mundo, acredita que a idade não é empeçilho para sua carreira. Falando ao jornal “Southern People Weekly”, de Guangzhou, a chinesa de 32 anos afirma que a maturidade a ajuda a se manter em forma. Li ganhou seu segundo título de simples de Grand Slam na Austrália, no começo deste ano. 

"Muitos acreditam que os jogadores declinam depois dos 30", disse a “Flor Dourada da China”, como foi apelidada depois de se tornar uma das estrelas do tênis feminino. "Mas acho que ficar mais velha significa mais experiência para enfrentar e lidar com o que acontece na quadra." 

A chinesa conquistou seu primeiro título de Grand Slam em 2011, no Aberto da França. Naquele mesmo ano, no Aberto da Austrália, foi a primeira asiática a chegar a uma final de Grand Slam.

Vice-líder do ranking mundial desde 17 de fevereiro passado, Li é treinada pelo argentino Carlos Rodriguez, ex-técnico da belga Justine Henin, e pelo marido Jiang Shan. Eles se casaram em 27 de janeiro de 2006 e seu marido tornou-se seu técnico até ser substituído por Rodriguez em 2012. 

A saída da tutela do sistema estatal chinês também foi decisiva na carreira de Li, dando-lhe liberdade para contratar sua própria equipe, mas também para arcar sozinha com todos os gastos, pagando apenas 8% dos ganhos e 12% do apoio publicitário indo para a Associação Chinesa. Antes, 65% do seu faturamento ia para a entidade. Desde 2012 ela fica com a totalidade de suas premiações. Atualmente, suas despesas diárias giram em torno de US$ 2.400, uma carga pesada. Mas desde 2009, quando sua carreira passou a ser administrada por Max Eisenbud, vice-presidente da IMG, Na Li assinou importantes contratos de patrocínio que lhe garantem tranquilidade financeira frente às despesas.

Últimas notícias
Comentários
Loja TenisBrasil
Mundo Tênis
ProSpin
Wilson
Raquete Mania
Paulistana