fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rogerio Silva, Andre Guem, Wimbledon, Qualificatorio, Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rogerio Silva, Andre Guem, Wimbledon, Qualificatorio, Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Rogerio Silva, Andre Guem, Wimbledon, Qualificatorio, tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/brasileiros_outros/ghem_saopaulo_grita_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/brasileiros_outros/ghem_saopaulo_grita_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Rogerinho e Ghem perdem no quali de Wimbledon
17/06/2014 às 16h15
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2014/brasileiros_outros/ghem_saopaulo_grita_int.jpg" title="André Ghem tenta disputar seu primeiro Grand Slam" />

André Ghem tenta disputar seu primeiro Grand Slam

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d

Londres (Inglaterra) - O tênis brasileiro não terá qualquer representante na chave masculina de Wimbledon, o mais importante torneio do calendário internacional, pela primeira vez desde 2007. Nesta terça-feira, Rogério Silva e André Ghem fizeram boas partidas, mas perderam na segunda rodada do qualificatório e fizeram companhia a Thomaz Bellucci e João Souza, batidos na estreia.

Rogerinho fez uma partida equilibrada diante do norte-americano Alex Kuznetsova, cabeça 26 do quali e especialista em quadras mais velozes. A partida foi decidida em dois tiebreaks, sem qualquer quebra de serviço, com parciais de 7/6 (7-5) e 7/6 (7-4). Na estreia, Rogerinho havia batido o croata Kristijan Mesaros.

O paulista de 30 anos tentava disputar seu segundo Wimbledon consecutivo - parou logo na estreia no ano passado - e seu primeiro Grand Slam da temporada. Em 2013, ele conseguiu vaga em Roland Garros, Wimbledon e US Open, somando assim seis participações em eventos de tal categoria.

Mais tarde, Ghem pegou outro adversário difícil, o japonês Tatsuma Ito, que é cabeça 14 do qualificatório, e fez o que pôde, caindo por 7/5 e 6/3, depois de salvar três match-points.  O gaícho, número 240 do ranking aos 32 anos, jamais disputou um torneio de Grand Slam.

Sem nomes na chave masculina, o tênis brasileiro terá Teliana Pereira no feminino, quebrando um jejum que vinha desde 1989. Na chave de duplas, estão confirmados os mineiros Bruno Soares, Marcelo Melo e André Sá, com parceiros estrangeiros. Nesta quinta-feira, o gaúcho Marcelo Demoliner tentará sua vaga na rodada final do quali.

Últimas notícias
Comentários