fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Roger Federer, Stefan Edberg, raquete Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Roger Federer, Stefan Edberg, raquete Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Roger Federer, Stefan Edberg, raquete tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/federer/1104_finals_treino_toss_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/federer/1104_finals_treino_toss_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Federer aprova nova raquete que usará em 2014
27/12/2013 às 10h30
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2013/federer/1104_finals_treino_toss_int.jpg" title="Federer ficou impressionado com voleio do sueco" />

Federer ficou impressionado com voleio do sueco

Foto: Arquivo
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Basileia (Suíça) - Roger Federer está partindo de Dubai para Brisbane, onde começa sua temporada de 2014 na próxima semana. Na Austrália, o suíço usará o novo modelo de raquete com 98 polegadas quadradas, testado previamente no meio de 2013. Em entrevista ao jornal suíço Basler Zeitung, Federer também falou sobre a experiência na pré-temporada com Stefan Edberg.

"Tenho a intenção de jogar na Austrália com um modelo parecido com o de Hamburgo. Queria testar mais depois do US Open, mas não pude porque tive outros problemas no meu jogo. Tivemos tempo suficiente para fazer mudanças e trabalhei com a Wilson nos últimos detalhes", comentou Federer, que usava um modelo com 90 polegadas quadradas. A nova raquete oferece maior potência nos golpes.

Após a experiência no saibro em julho, Federer voltou atrás e disputou o resto do ano com a raquete antiga. Mas o suíço acha que é hora de tentar novamente: "O tênis está em constante evolução, assim como a tecnologia. Acho que é o momento certo para mudar. Joguei duas semanas e meia com essa raquete e tenho confiança nela. Mas só veremos o que acontece na Austrália".

Em dezembro, Federer contou com a ajuda de Edberg em seu treinamentos. "Passamos alguns dias juntos, falamos sobre meu tênis e trocamos ideias. Ainda temos que discutir algumas coisas. Se chegarmos a fechar algo, seria muito legal. Mas somos amigos de qualquer forma. (Severin) Luthi é meu treinador e não há motivos para mudar", disse o ex-número 1, que fechou com Edberg nesta sexta-feira.

Federer ficou bastante impressionado com a técnica do sueco, grande voleador e campeão de seis torneios de Slam. "Sua forma de volear é impressionante. Não sei se serei capaz de golpear dessa maneira. Ele sempre é muito legal comigo e tem uma atitude positiva. Isso é ótimo para mim", revelou.

Últimas notícias
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis
Wilson
Head
Paulistana
Bomtempo
Real Esporte