Instrução | Melhore seu jogo
Como tratar um talento
Por Gabe Jaramillo
14/05/2014 às 08h36

Ao longo de tantos anos no trabalho com juvenis, promessas e gente muito talentosa, existem alguns caminhos que podem favorecer o crescimento técnico e uma possível carreira vitoriosa tanto entre juvenis como no circuito profissional.

A espanhola Aliona Bolsova, ainda de 16 anos, é mais um nome que surge na Club Med Academies, sob supervisão de Gabe Jaramillo. Nesta temporada, jogando entre as meninas de 18 anos, ela já ganhou o Banana Bowl e um torneio na França, além de ter ido à final do Juvenil de Porto Alegre, evento de nível A.

Com tudo isso, a jogadora que nasceu na Moldova e adora música e fotografias, figura atualmente no quarto lugar do ranking internacional.

Veja abaixo a sequência de vídeos feitos com Jaramillo e o diretor de viagens do Club Med Academies, Andres Weisskopf, que certamente são muito úteis para o tenis brasileiro. Abordamos aspectos como o trabalho de detectação de talentos, preparação física, transição para o circuito profissional e o papel do treinador.


Como se detectar um campeão




A importância da preparação física





Estratégia da transição para o profissional





O papel do treinador

Gabe Jaramillo treinou 8 jogadores que chegaram ao número 1 e 26 que figuraram no top 10, como Agassi, Courier, Sampras, Seles, Sharapova, Nishikori, Haas, Lisicki e André Sá, indo a todos os Grand Slam. Trabalhou com Nick Bolletieri de 1985 a 2009. Atualmente é diretor do Club Med Academies, na Flórida. Desenvolveu o Método de Treinamento Periodizado.
www.gabejaramillo.com

info@gabejaramillo.com
Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis