Federer pode colocar em risco o US Open
Por Chiquinho Leite Moreira
agosto 14, 2017 às 3:14 pm

A dolorosa e lenta movimentação de Roger Federer em alguns momentos da final do Masters do Canadá diante de Alexander Zverev, sugere que o tenista suíço está enfrentando problemas físicos. Mas ele próprio informou há poucas horas ao departamento de comunicações da ATP que sentiu dores e dores no meio das costas. E que considera isso normal para jogos nas quadras duras. Mesmo ainda não tendo definido, até este momento (segunda feira pela manhã) sua participação em Cincy, a mídia internacional considera que o campeão do Aberto da Austrália e de Wimbledon possa estar colocando em risco a busca do título do US Open.

O Aberto dos Estados Unidos começa em apenas duas semanas. E há de se considerar que Roger Federer, por suas declarações, coloca como prioridade ganhar Slams à retomar a liderança do ranking mundial.

Aliás, se o suíço confirmar sua participação em Cincinnati poderia sim reassumir a liderança do ranking da ATP. Só que as maiores chances são para Rafael Nadal, que está com pequena vantagem de pontos sobre Roger Federer. E considerando que Andy Murray não joga nesta semana, o espanhol pode voltar a número um, mesmo sem boa campanha neste preparatório para o US Open.

A chave de Cincinnati coloca Federer diante do vencedor de Diego Schwartzman e Karen Khachanov, enquanto a estreia de Nadal será com o ganhador de Richard Gasquet ou o australiano John-Patrick Smith. Enfim, o que pode valer mais: a liderança do ranking ou o título do US Open?

 

 


Comentários
Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Comentário

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>